quinta-feira, 18 abril 2024

Covid: Santa Bárbara inicia 4ª dose para idosos acima de 60 anos

Vacinação começa nesta terça-feira (5) nas Unidades Básicas de Saúde da cidade

Idosos acima de 80 anos já estão recebendo a quarta dose contra a Covid-19 desde a semana passada em Santa Bárbara (Foto: Prefeitura de Santa Bárbara/Divulgação)

A Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste começará a partir desta terça-feira (5) a vacinação da 4ª dose contra Covid-19 em idosos com 60 anos ou mais. A imunização acontecerá nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) da lista abaixo, sem necessidade de agendamento.

Para receber a 4ª dose, é necessário um intervalo mínimo de quatro meses em relação à terceira. A 4ª dose vem sendo aplicada desde janeiro em pacientes imunossuprimidos com 18 anos ou mais e na última semana teve início para idosos acima de 80 anos.

A iniciativa também será realizada nas ILPs (Instituições de Longa Permanência), como asilos e casas de repouso, e para os pacientes do SAD (Serviço de Atendimento Domiciliar), que se enquadrarem nos critérios dessa nova etapa da Campanha.

Em caso de dúvidas sobre a situação de idosos acamados ou com mobilidade reduzida, a orientação é entrar em contato no telefone 3455.1654, de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas.

Documentos
O idoso também deve estar munido dos documentos: comprovante de endereço no nome, CPF ou cartão SUS, ou ainda o cartão ou comprovante de que a dose de reforço da vacina foi aplicada em Santa Bárbara d’Oeste, além de RG/documento com foto.

Imunossuprimidos
Além dos documentos acima, pacientes imunossuprimidos com 18 anos ou mais devem apresentar uma carta médica comprovando a condição para o recebimento da nova dose adicional do imunizante.

Fazem parte do público elegível para a quarta dose pessoas que realizam quimioterapia para câncer, pacientes em hemodiálise, pessoas com doenças auto inflamatórias e/ou doenças intestinais inflamatórias, pessoas com imunodeficiência primária grave, HIV ou Aids, transplantados ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH) em uso de drogas imunossupressoras, pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas e em uso de corticóides em doses iguais ou maiores a 20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por 14 dias ou mais e uso de drogas modificadoras da resposta imune.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também