segunda-feira, 22 julho 2024

Sumaré confirma mais três casos de varíola dos macacos e totaliza seis infectados

A cidade, junto a Santa Bárbara, passa ser o município da microrregião com o maior número de casos da doença 

Até o momento, a microrregião registra 20 casos de varíola dos macacos (Foto: Divulgação)

A Vigilância Epidemiológica de Sumaré confirmou mais três casos de varíola dos macacos nesta quarta-feira (24), totalizando seis casos no município. Com a confirmação desses novos casos, a cidade, junto com Santa Bárbara d’Oeste, passa a ser o segundo município da microrregião com o maior número de pacientes diagnosticados com monkeypox.

Segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, todos os diagnosticados são homens de 22, 36 e 38 anos e moradores da região do Jardim Picerno e Nova Veneza. Eles estão em isolamento domiciliar e são monitorados pelas equipes da Secretaria de Saúde. Outros três pacientes aguardam o resultados de exames laboratoriais e três suspeitas foram descartadas.

Sumaré já havia confirmado o terceiro caso de varíola dos macacos na segunda-feira (22): um homem de 26 anos, morador da região centra, além dos outros dois primeiros casos que foram divulgados há duas semanas, no dia 15 de agosto, sendo dois homens de 26 e 28 anos da região do Matão e Jardim Picerno.

Até o momento, a microrregião registra 20 casos de varíola dos macacos, sendo um caso em Hortolândia e Nova Odessa, três em Americana e Paulínia e seis em Santa Bárbara d’Oeste e Sumaré.

Em relação ao número de casos na RMC, Sumaré e Santa Bárbara d’Oeste o segundo número de diagnósticos, ficando atrás apenas de Campinas, que contabiliza 45 casos da doença. 

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também