Quarta, 17 Agosto 2022

Unicamp aplica no domingo primeiro vestibular indígena

Unicamp aplica no domingo primeiro vestibular indígena

A Unicamp realiza o primeiro vestibular Indígena da universidade, neste domingo, às 13 horas, em cinco cidades do país, Campinas, Dourados (MS), Manau
A Unicamp realiza o primeiro vestibular Indígena da universidade, neste domingo, às 13 horas, em cinco cidades do país, Campinas, Dourados (MS), Manaus (AM), Recife (PE) e São Gabriel da Cachoeira (AM). A organização é da Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp). Estão inscritos 610 candidatos de diferentes etnias.

O Vestibular Indígena foi aprovado pela Unicamp como parte das novas formas de ingresso para os cursos de graduação da Unicamp em 2019. De acordo com informações da Comvest estão sendo oferecidas 72 vagas.

Segundo José Alves de Freitas Neto, coordenador executivo da Comvest, o número de candidatos inscritos surpreendeu. “Principalmente, por suas características regionais, com destaque para a expressiva presença dos estudantes de São Gabriel da Cachoeira, e pelos interesses que os candidatos demonstraram nos cursos oferecidos pela Unicamp”, comentou.

[caption id="attachment_9360" align="alignnone" width="300"] Comunidade indígena na ilha de Tawa, na região de São Gabriel da Cachoeira, a 850 quilômetros de Manaus


O coordenador destacou também que houve uma forte procura por carreiras nas áreas da saúde e humanidades, onde se destacam, Administração, Pedagogia, Administração; Farmácia; Administração Pública ; Arquitetura e Urbanismo; Engenharia Agrícola; e Ciência do Esporte.

A prova que será aplicada no domingo é em língua portuguesa, composta de 50 questões de múltipla escolha e uma Redação. O início do vestibular é às 13 horas e deverá ser considerado o horário de Brasília.  Ficam desclassificados os candidatos que não acertarem, no mínimo, 10 questões de múltipla escolha e não obtiverem, no mínimo, cinco pontos na prova de Redação (de um total de 25 pontos).

A Comvest orienta os candidatos a chegarem com antecedência, pois o acesso aos locais de prova será permitido somente até às 13 horas, impreterivelmente. A duração da prova é de cinco horas.

“No dia da prova, os candidatos deverão entregar, a via original da Declaração de Etnia e Vínculo com Comunidade Indígena (que foi enviada em formato digitalizado durante a inscrição)”, alerta a coordenação.

 
 
 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/