quarta-feira, 28 fevereiro 2024

Defesa do Verdão colocada à prova

 Sistema defensivo do Palmeiras, o melhor da primeira fase do Paulista, passará por teste no mata-mata

TREINO | Jogadores treinaram na Academia de Futebol nesta segunda-feira em preparação para as quartas de final (Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

Melhor defesa da primeira fase do Paulista, com notáveis três gols sofridos em 12 jogos, o Palmeiras não contará, ao menos até as semifinais, com quatro nomes essenciais para que a equipe tenha sido tão pouco vazada. Sem os selecionáveis Weverton, Gómez e Kuscevic, além de Luan, lesionado, o sistema defensivo será posto à prova na próxima semana, inclusive contando com improvisações para avançar no Estadual.

Com os jogos das Eliminatórias Sul-Americanas nos dias 24, 25 e 29 de março, há a possibilidade de que, caso a equipe chegue à final, o técnico Abel Ferreira ainda não conte com os três atletas para o primeiro jogo da decisão, marcado para o dia 30 (quarta-feira). Para as quartas e as possíveis semifinais, as ausências já são garantidas.

Nas quartas de final, o Verdão enfrentará o Ituano, na quarta-feira (23), no Allianz Parque. Para escalar a zaga no confronto, Abel terá à disposição dois zagueiros de origem: Murilo, que quase comprometeu a equipe no Dérbi, ao derrubar Róger Guedes e cometer o pênalti do gol corintiano, e o jovem Renan, que perdeu espaço nesse início de temporada, falhando, inclusive, no primeiro dos três gols sofridos pela equipe, diante do São Bernardo, em 29 de janeiro.

Outra opção, que deve ser a utilizada pelo técnico Abel Ferreira, segundo o próprio, é a improvisação do volante Jailson na posição. O ex-gremista fez parte segura diante do Bragantino, e, ao que tudo indica, convenceu o treinador palmeirense para a disputa da fase final da competição. Dessa forma, Murilo e Renan devem brigar pela segunda vaga.

À parte das preocupações com a linha defensiva, Abel não contará com Weverton, líder do elenco e um dos principais jogadores do período vitorioso do aclube nos últimos dois anos.

No lugar dele estará Marcelo Lomba, que jogou praticamente metade do Paulistão e tem se saído bem. O experiente arqueiro se destacou contra o Bragantino, com três ótimas defesas. Lomba possui uma média superior a uma defesa difícil por jogo, com seis em cinco partidas, algo que somente ele e João Paulo (com 13 em 12 confrontos), do Santos, fizeram no campeonato.

Entretanto, o goleiro também errou no tento marcado pelo São Bernardo – assim como Renan -, no início do torneio, e poderia ter espalmado para mais longe o chute de Sorriso, que culminou no gol de ontem, marcado por Helinho – também por desatenção da defesa ao rebote. Apesar do bom desempenho no Estadual de modo geral, ainda não entrega a mesma confiança que seu colega titular na meta palmeirense. 

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também