segunda-feira, 24 junho 2024
BEZINHA

Manipulação de resultados: Fernandópolis segue suspenso e quatro atletas do clube são punidos pelo TDJ-SP

Fefecê fazia parte do mesmo grupo do Rio Branco na segunda fase, quando foi punido antes da 5ª rodada; jogos investigados foram na primeira fase
Por
João Victor Viana
Um dos lances que gerou alerta foi o pênalti cometido aos 29 minutos do segundo tempo, na partida entre Fernandópolis e Vocem (Foto: Reprodução/Futebol Paulista)

Depois de ser suspenso e ter 11 jogadores indicados em esquema de manipulação de resultados, o Fernandópolis e os atletas tiveram a confirmação de suas punições definidas pelo Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TDJ-SP).

O clube foi suspenso no dia 17 de julho, antes da 5ª rodada da segunda fase do Campeonato Paulista sub-23, a bezinha, quando estava no mesmo grupo do Rio Branco. Nos dois últimos jogos que restavam, o resultado foi dado como W.O e a equipe foi rebaixada para a quinta divisão, que será criada em 2024 pela Federação Paulista de Futebol (FPF).

Dos jogadores investigados em participar do esquema, sete foram absolvidos e quatro punidos. Os punidos foram:
• Daniel da Costa Viana (Índio) – 360 dias de suspensão e multa de R$ 6 mil
• Rafael William Silva Santos – 180 dias de suspensão e multa de R$ 2 mil
• Rian Fernando dos Santos Marques – 180 dias de suspensão e multa de R$ 2 mil
• Rinaldo Gabriel dos Santos – 180 dias de suspensão e multa de R$ 2 mil

Os sete absolvidos foram: Anthony Barbosa de Souza, Caleb Carvalho Cantarella, Chrigor Wallace Mataruco de Oliveira, Luiz Fernando Ferreira de Azevedo, Mauro Josias Ferreira de Oliveira, Ryan Costa de Jesus e Vinicius Santos Cruz Gomes.

Já o clube foi multado em R$ 8 mil e segue valendo a suspensão preventiva até a comprovação da rescisão do contrato com a empresa gestora de suas atividades.

As decisões do TDJ-SP foram embasadas nos artigos 191 e 243 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que fala sobre “atuar, de forma contrária à ética desportiva, com o fim de influenciar o resultado de partida, prova ou equivalente”.

Tanto o Fefecê, quanto os jogadores podem apresentar recursos.

Motivo da punição
Como reportado pelo portal do TodoDia, no dia 17 deste mês, o Fernandópolis foi suspenso por suspeita de manipulação de resultados em dois jogos da primeira fase, contra Vocem e Tanabi.

Apostas de vitória do Vocem por pelo menos dois gols de diferença foram identificadas como suspeitas.

Clique aqui para relembrar o caso (https://tododia.com.br/esportes/fernandopolis-e-suspenso-por-suspeita-de-manipulacao-de-resultados-e-11-jogadores-sao-investigados/)

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também