Quarta, 25 Mai 2022

Morte de Kobe Bryant repercute dentro e fora do esporte

Morte de Kobe Bryant repercute dentro e fora do esporte

O mundo do esporte reagiu com espanto e profundo pesar à divulgação da notícia da morte de um dos maiores jogadores de basquete de todos os tempos, o
O mundo do esporte reagiu com espanto e profundo pesar à divulgação da notícia da morte de um dos maiores jogadores de basquete de todos os tempos, o astro Kobe Bryant, 41 anos (ex-Los Angeles Lakers), neste domingo (26), após um acidente de helicóptero na Califórnia. Outras oito pessoas também morreram no acidente, entre elas Gianna Bryant, filha de 13 anos do ex-jogador.

A NBA não cancelou os primeiros jogos marcados para esta rodada. No primeiro deles, entre Denver Nuggets e Houston Rockets, no Colorado, houve um minuto de silêncio em memória do atleta que fez história pelo Los Angeles Lakers.

Já no início jogo entre San Antonio Spurs e Toronto Raptors, as equipes deixaram que o tempo de 24 segundos para concluir o ataque se esgotasse sem ações dentro de quadra. Quando o público percebeu que se tratava de uma homenagem, começou a aplaudir. Jogadores no banco de reservas e comissões técnicas fizeram o mesmo.

Nas redes sociais, atletas e equipes de diferentes modalidades se manifestaram sobre a morte de um dos maiores jogadores da história do basquete e também de sua filha, que também era praticante da modalidade.

O ex-jogador de basquete Shaquille O'Neal disse não haver palavras para expressar a dor da perda de Bryant e de Gigi, como a filha do astro era conhecida.

[caption id="attachment_33313" align="alignleft" width="284"] Tweet de Magic Johnson


Outra lenda do basquete americano, Irving Magic Johnson escreveu: "Ele deu seu conhecimento, tempo e talento para ensinar muitos - crianças, adolescentes e jogadores da NBA e da WNBA. Palavras não podem expressar o impacto que ele teve no basquete. Conheço fãs desse esporte em todo o mundo que sentirão sua falta, especialmente na cidade de Los Angeles".

Atualmente o maior astro da NBA, LeBron James já pousou em Los Angeles e não escondeu a emoção com a morte de Kobe Bryant. Coincidentemente, LeBron ultrapassou Kobe no ultimo sábado como terceiro maior pontuador da história da liga de basquete americana, e jogou com os dizeres "Mamba4Ever" ("Mamba For Ever", ou mamba para sempre) escrito a mão no seu tênis. "Black Mamba", ou "Mamba Negra", era o apelido de Kobe Bryant.

Michael Jordan, o "Pelé" do basquete americano pelo Chicago Bulls na década de 1990, se mostrou desolado. "Estou chocado com a notícia da morte de Kobe e Gianna. Não há palavras para descrever a dor que estou sentindo. Eu amava Kobe. ele era como meu irmão mais novo. Costumávamos conversar sempre, e sentirei muita falta dessas conversas. Kobe era um competidor impiedoso, um dos maiores da história e uma força criativa. Kobe era também um pai incrível, que amava profundamente sua família. Tinha um orgulho imenso do amor da filha pelo basquete. Yvette se junta a mim ao prestar nossas condolências a Vanessa, aos Lakers e aos fãs de basquete ao redor do mundo".
COMOÇÃO
O argentino Lionel Messi, do Barcelona, postou em suas redes sociais: "Não tenho palavras... Todos meu carinho para a família e os amigos de Kobe. Foi um prazer conhecê-lo e compartilhar bons momentos juntos. Perdemos um gênio raro."

O presidente americano, Donaldo Trump, e o ex-presidente Barack Obama também se manifestaram lamentando a triste notícia.

No Brasil, as ex-jogadoras de basquete Hortência Marcari e Magic Paula também expressaram seus sentimentos nas redes sociais.

A Confederação Brasileira de Basketball fez um post de homenagem e publicou depoimentos de jogadores brasileiros, como Tiago Splitter e Marcelo Huertas.

Neymar foi outro que lembrou de Kobe ao marcar um gol pelo PSG neste domingo e mostrar o número 24 para a câmera, em referência a uma das camisas que o astro usou ao longo da carreira.

A repercussão mundial levou o nome de Kobe Bryant ao assunto mais comentado do Twitter em todo o mundo.

[caption id="attachment_33315" align="alignleft" width="1024"]Kobe Bryant Los Angeles Lakers Basquete Pelo Los Angeles Lakers, Kobe Bryant foi cinco vezes campeão da NBA e tornou-se o quarto maior cestinha da história / Foto: NBA


 
 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 26 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/