PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Palmeiras perde para o Fluminense

Com uma equipe formada por jogadores reservas, Verdão é derrotado pelo Fluminense por 1 a 0

O Fluminense tirou proveito de uma escalação do Palmeiras formada por jogadores reservas e venceu por 1 a 0, ontem à noite, no Rio de Janeiro. O placar do Maracanã foi definido em bonito chute do atacante Marcos Paulo, que deu alívio ao time tricolor na luta contra o rebaixamento. 

PUBLICIDADE

Com 41 pontos, a formação das Laranjeiras terminará a 35ª rodada do Campeonato Brasileiro em 15º lugar, ao menos quatro acima da zona da degola. Já o Palmeiras, estacionado nos 68, continua na terceira colocação. 

De olho no duelo com o campeão Flamengo, no domingo, em São Paulo, Mano Menezes decidiu montar o time alviverde quase inteiramente com reservas. A entrada de Dudu no segundo tempo não impediu a derrota. 

PUBLICIDADE

O único gol do confronto foi anotado aos 38 minutos do primeiro tempo. Após corte parcial da defesa do Palmeiras, Marcos Paulo ficou com a sobra dentro da área e deu um preciso toque por cobertura, superando o goleiro Weverton. 

JOGO 

PUBLICIDADE

Com uma marcação forte no meio de campo e avanços aos ataques pelas alas, o Fluminense conseguiu ter um bom primeiro tempo, tendo uma presença maior no campo de ataque e tendo “as segundas bolas”. Quando o Palmeiras mudou, passando a ter uma movimentação maior, a marcação tricolor começou a apontar erros, recuou demais e o torcedor levou sustos. 

Já o Palmeiras, com uma equipe quase que totalmente reserva, mostrou falta de entrosamento e não conseguiu ser efetiva com a bola no pé. No primeiro tempo, sem alternativas para costurar as jogadas, acabou dando chutões. Na etapa final, com as entradas de Dudu e Lucas Lima, o panorama mudou e o Verdão passou a criar oportunidades, ditando o ritmo em quase toda a etapa final. 

GOLAÇO 

O placar foi aberto no Maracanã com um bonito gol de Marcos Paulo. Após disputa pelo alto, a bola sobrou para o atacante, que “deu um tapa” no ângulo esquerdo do goleiro Weverton, que nem sequer teve reação no lance. 

PUBLICIDADE

Pin It on Pinterest

Share This