PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Ponte tropeça em casa na estreia do Paulistão

Jogo foi em ritmo de treino, sem grande emoções e poucas chances de abertura de placar resultando em um insosso 0 a 0

No jogo de abertura do Campeonato Paulista de 2019, a Ponte Preta e o Oeste ficaram no empate, sem gols, neste sábado (19) no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

PUBLICIDADE

Com o resultado, tanto Ponte como Oeste largam no campeonato com um ponto cada. As equipes estão nos grupos A e C, respectivamente.

No próximo jogo, a Ponte Preta volta aos gramados contra a Ferroviária, quarta-feira (23), às 17h. O Oeste receberá a visita do Bragantino, em Barueri às 19h15.

PUBLICIDADE

A Ponte buscou o gol e pressionou bem o Oeste, mas a equipe soube se defender e assustou a equipe de Campinas aos 26 minutos, Alyson foi lançado em profundidade e tocou rente à trave na saída de Ivan. O árbitro demorou, mas assinalou impedimento.

Na sequência, a Ponte Preta chegou. Matheus Vargas escapou em velocidade e tinha a opção de Thalles, mas optou pelo chute e mandou por cima.

PUBLICIDADE

No segundo tempo, a Ponte quase abriu o placar depois que o jogador Edson fez levantamento na segunda trave, e mesmo desajeitado, Hugo Cabral cabeceou, mas perdeu.

Aos 24 minutos, um torcedor da Macaca que estava assistindo ao jogo passou e o médico da ambulância que fica no campo teve que atende-lo.

Sem outro médico na ambulância o juiz interrompeu a partida a espera de outro médico, já que pelo estatuto da Federação Paulista de Futebol, em momento algum da partida o estádio pode ficar sem ambulância e profissionais da saúde.

A partida só recomeçou quando o diretor médico da Ponte Preta, Cláudio Simões foi ficar na ambulância.

Nos últimos minutos, a Ponte foi buscou o gol da vitória. Porém, faltou organização para criar as jogadas. Praticamente no último lance do confronto, Bruno Xavier recebeu na entrada da área e tentou bater rasteiro, mas Ivan caiu para fazer a defesa.

PONTE PRETA

Ivan; Luis Ricardo, Renan Fonseca, Reginaldo e Diego Renan; Nathan, Edson, Gerson Magrão (Arnaldo), Tiago Real (Hugo Cabral) e Matheus Vargas (Matheus Oliveira); Thalles

T.: Mazola Júnior.

OESTE

Matheus Cavichioli; Tony, Kanu, Maracás e Alisson; Matheus Jesus, Elvis (Marciel), Betinho e Mazinho; Roberto (Gabriel Vasconcelos) e Bruno Lopes (Bruno Xavier).

T.: Renan Freitas.

Árbitro: Douglas Marques das Flores

Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Marco Antônio de Andrade

Público/Renda: 3.906 pagantes e 4.395 total/R$ 103.500,00

Cartões amarelos: Ponte Preta, Arnaldo, Edson e Tiago Real; Oeste, Kanu e Betinho

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Pin It on Pinterest

Share This