segunda-feira, 22 julho 2024

São Paulo abre série decisiva

Time tricolor inicia uma sequência decisiva entre reforços e indefinições, com calendário apertado de jogos

OFICIAL | O argentino Giuliano Galoppo reforçará o time (Foto: Reprodução Facebook SPFC)

O São Paulo tem assuntos dentro e fora de campo a resolver antes de enfrentar o América-MG nesta quinta-feira (28), no Morumbi, pela ida das quartas de final da Copa do Brasil. O time tricolor inicia uma sequência decisiva entre reforços e indefinições.

A diretoria do São Paulo pretende cumprir a promessa feita ao técnico Rogério Ceni de reforçar o elenco caso o time avançasse nas duas competições: Copa do Brasil e Sul-Americana. Com calendário apertado e a dificuldade de conciliar com o Campeonato Brasileiro, o clube tricolor vê seu grupo principal cada vez mais enxuto.

A expectativa são-paulina é fechar com reforços nos próximos dias. As negociações ocorrerão em meio a uma maratona de jogos importantes. Em três semanas, o time tricolor enfrentará o América-MG duas vezes pela Copa do Brasil, o Ceará duas vezes pela Sul-Americana e Athletico, Flamengo e Red Bull Bragantino pelo Campeonato Brasileiro.

O primeiro deles, já fechado, é o argentino Giuliano Galoppo, do Banfield (ARG). O meiocampista de 23 anos foi apresentado oficialmente na quarta-feira (27). O jogador inclusive já está regularizado, já que foi registrado pelo São Paulo no Boletim Informativo Diário (BID), e está liberado para atuar pelo time tricolor.

O jogador demonstrou estar com uma boa pontaria nos treinos realizados até aqui, com a equipe de Rogério Ceni. Agora a dúvida é se técnico utilizará o argentino na partida contra os mineiros e onde Galoppo será escalado. Embora faça diversas funções no meio de campo, o mais provável é que ele jogue mais à frente, com liberdade para atacar.

Na atual temporada, Galoppo tem mostrado uma característica goleadora. Até aqui, em 27 jogos, entre Sul-Americana e torneios argentinos, o jogador marcou oito gols e deu duas assistências. No início do mês, teve boa atuação contra o Boca Juniors, na Bombonera. Na ocasião, Galoppo marcou um lindo gol de voleio, deu uma assistência e comandou a vitória do Banfield por 3 a 0.

Além de Giuliano Galoppo, o São Paulo quer um zagueiro. Essa posição, inclusive, é a prioridade de Ceni, mas o técnico entende que um jogador de ataque seja mais rentável para um investidor.

O time tricolor quer uma reposição para Arboleda, que operou o tornozelo e só deve voltar em 2023. Com Miranda e Léo no departamento médico, Rogério Ceni só ficou com Diego Costa, chamou Luizão e Beraldo do sub-20 e precisou improvisar Rafinha.

“Quando patrocinador pode dar aquele jogador, temos que aceitar ou não. Não podemos escolher um defensor ou outro jogador. É um patrocinador que oferece uma oportunidade de ter um grande jogador, jovem e que pode nos ajudar muito se o negócio de fato acontecer. Dentro da situação do clube, estamos vendo a oportunidade de mais um defensor desde a lesão do Arboleda. Como ele se lesiona, temos que repetir mais os zagueiros, gerando probabilidade maior de lesão. Precisamos nessa posição, mas é difícil de encontrar no mercado e não podemos acumular gastos e dívidas. E se ficarmos num campeonato só?”, disse Ceni, em entrevista coletiva.

O São Paulo também está de olho num goleiro para brigar por posição com Jandrei. John, do Santos, interessa, mas a negociação é considerada difícil. O jovem Thiago Couto não empolga.

RETORNOS

Para a partida desta quinta-feira, técnico Rogério Ceni pode respirar um pouco aliviado com o progresso de Jandrei e os retornos de Léo e Miranda. O goleiro participou de parte das atividades realizadas no gramado, ao lado do elenco tricolor, em treino realizado na manhã desta terça-feira (26). Já os zagueiros possivelmente estarão à disposição do treinador para o jogo contra o América-MG.

Após se recuperar de uma entorse no joelho, Alisson também trabalhou normalmente.  

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também