quinta-feira, 29 fevereiro 2024

São Paulo se reconstrói após crise de lesões e Ceni ganha fôlego para decisões

 Depois de ter nove jogadores lesionados, agora o técnico Rogério Ceni pode contar com a força máxima

(Foto Paulo Pinto/saopaulofc/Divulgação)

Às vésperas da decisão contra o América-MG, nesta quinta-feira (18), às 21h (de Brasília), pelas quartas de final da Copa do Brasil, em Belo Horizonte, o técnico Rogério Ceni pode contar com praticamente força máxima do São Paulo para o mata-mata que define quem avança à semifinal.

Depois de passar por um período em que o departamento médico do clube chegou a ter nove jogadores lesionados, os maiores problemas agora são Arboleda e Caio, que seguem fazendo tratamento específico no Reffis, após terem de passar por cirurgia. Outro desfalque que não tem previsão de volta é André Anderson, que completou contra o Red Bull Bragantino 12 jogos fora da equipe. A última vez que o meia esteve em campo foi em 26 de junho, contra o Juventude. Luan evolui a passos rápidos, mas ainda não está liberado a voltar a jogar.

A grande expectativa no São Paulo é o retorno de Jandrei, que foi liberado nesta quarta-feira (17) para enfrentar o América-MG. Ele sofreu trauma nas costas após levar uma pancada do zagueiro Léo, contra o Fluminense, no mês passado. Tentou voltar antes da primeira partida diante do time mineiro, vencida pelo São Paulo por 1 a 0, mas sentiu dores e ficou de fora, dando lugar ao jovem Thiago Couto. A ausência de seu goleiro titular forçou o São Paulo a buscar Felipe Alves para ter um jogador mais experiente para a posição.

Desde a última sexta-feira (12), Jandrei participa das atividades no gramado com o preparador de goleiros Octavio Ohl. Mas o teste final para saber se o camisa 93 entraria em campo ocorreu na manhã desta quarta, e ele foi liberado. Se não pudesse jogar, o titular seria Thiago Couto, uma vez que Felipe Alves não pode jogar na Copa do Brasil porque já atuou na competição pelo Juventude.

Durante o mês de julho, período mais crítico de lesões no São Paulo, o time viu seu desempenho despencar e se afastou dos líderes do Campeonato Brasileiro. Embora tenha perdido apenas duas partidas -e em uma delas, contra o Palmeiras, classificou-se na Copa do Brasil-, foram quatro empates no Brasileiro. Sendo que três deles na mesma semana, com direito a sofrer oito gols contra Fluminense, Internacional e Goiás. Destes, Thiago Couto foi vazado em sete oportunidades.

Além de ir ao mercado para contratar um goleiro, o São Paulo fez mais quatro contratações na atual janela de transferências, das quais apenas Galoppo pode jogar na Copa do Brasil, além do Brasileiro e Sul-Americana. Felipe Alves, Marcos Guilherme, Bustos e Ferraresi só poderão atuar na Sul-Americana e no Brasileiro.

Por isso é ainda mais importante ter o retorno dos lesionados. Nikão e Patrick, contratados para dar a experiência que o time necessitava, ficaram mais de dez jogos fora por lesão. No retorno, os dois mostraram sua importância para a equipe. Nikão marcou o gol da vitória sobre o Ceará no jogo de ida da Sul-Americana, e Patrick anotou o pênalti decisivo diante dos cearenses, que garantiu a vaga na semifinal no torneio continental.

Reinaldo, que voltou a ser titular nos últimos três jogos, perdeu seis partidas por lesão muscular. No último domingo (14), o camisa 6 deu uma assistência para Calleri marcar o segundo gol diante do Red Bull Bragantino.

Os retornos de Alisson, Andres Colorado e Rafinha também dão mais opções a Ceni para rodar o elenco e descansar suas principais peças. Se avançar na Copa do Brasil, o calendário em agosto ficará ainda mais apertado, já que assim o time faria a primeira partida da Copa do Brasil provavelmente no dia 24, forçando o time a jogar quatro jogos entre os dias 18 e 28 de agosto.

Além dos jogadores em recuperação, nesta quinta, Ceni não poderá contar com Gabriel Neves, que recebeu o terceiro cartão amarelo e cumpre suspensão. Assim, uma provável escalação inicial do São Paulo tem: Jandrei (Thiago Couto); Diego Costa, Miranda e Léo; Igor Vinicius, Pablo Maia, Igor Gomes (Patrick), Rodrigo Nestor (Galoppo) e Reinaldo; Luciano e Calleri.

O América-MG, por sua vez, não poderá contar com o zagueiro Germán Conti, que se recupera de lesão na coxa. Entre as contratações recentes, Gonzalo Mastiani e Emmanuel Martinez não chegaram ao time dentro do prazo de inscrições para a Copa do Brasil, enquanto Benítez não pode entrar em campo por já ter jogado pelo Grêmio.

Por outro lado, em relação à disputa de ida, o técnico Vagner Mancini deve Alê e Wellington Paulista à disposição. Aloísio também foi liberado, mas ainda não é presença garantida. Uma possível escalação inicial do América-MG tem: Cavichioli; Raúl Cáceres (Patric), Iago Maidana, Éder e Marlon (Danilo Avelar); Lucas Kal, Juninho e Alê; Everaldo, Pedrinho e Wellington Paulista.

Estádio: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Horário: Às 21h (de Brasília) desta quinta-feira (18)
Árbitro: Braulio da Silva Machado (Fifa/SC)
VAR: Adriano Milczvski (PR)
Transmissão: SporTV e Premiere

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também