domingo, 21 abril 2024

Araçatuba: Suspeito de integrar quadrilha morre em Piracicaba

Ele estava internado em estado grave por ferimento provocado por arma de grosso calibre e estava sob escolta policial

Suspeito de assalto a bancos estava internado na Santa Casa de Piracicaba – Reprodução

Um homem de 41 anos suspeito de fazer parte da quadrilha que assaltou três agências bancárias em Araçatuba (SP) morreu nesta quinta-feira à noite (2) na Santa Casa de Misericórdia de Piracicaba – cidade a 385 km de distância dos ataques. O suspeito estava internado em estado grave em decorrência de ferimento de arma de fogo desde terça-feira (31).

A morte do homem, identificado como Antônio Carlos Fermino Bezerra, foi confirmada pela assessoria do hospital. Ele estava internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva), sob escolta policial.

O corpo de Bezzera foi transferido para o IML (Instituto Médico Legal) e ainda não há previsão de quando será liberado. A Polícia Civil acredita que Bezerra era integrante da quadrilha responsável pelos ataques à bancos no interior paulista, na madrugada de segunda-feira (30).

Ele deu entrada na Santa Casa de Piracicaba depois passar por atendimento no pronto-atendimento da cidade com ferimentos gravíssimos causados por arma de fogo de grosso calibre. Imediatamente as Polícias Militar e Civil foram comunicadas pelas unidades hospitalares sobre o paciente.

A Delegacia de Investigações Gerais reconheceu o suspeito como sendo possível integrante da quadrilha que atacou os bancos. Segundo a Polícia Civil, ele ainda não tinha defesa constituída. Nesta sexta-feira (3), dois homens foram presos em São Pedro, próximo a Piracicaba, suspeitos de participarem do assalto.

Suspeito segue internado

Outro suspeito de fazer parte do grupo segue internado no mesmo hospital. Ele foi baleado em um dos braços e no cotovelo.

Esse suspeito, que não teve o nome divulgado, foi preso durante uma operação realizada por policiais do Deic e da Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes no bairro Lago Azul, em Piracicaba.

O homem já era procurado pela polícia de Campinas por roubo de cargas e veículos. Mesmo ferido por arma de fogo, ele não havia procurado atendimento médico e estava escondido no bairro.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também