segunda-feira, 17 junho 2024
FUGA

Dois presos fogem de presídio de segurança máxima no Rio Grande do Norte

Essa é a primeira vez que fugas em uma penitenciária federal é registrada
Por
Isabela Braz
Deibson e Rogério, respectivamente. Foto: Reprodução

Dois presos fugiram da Penitenciária Federal de Mossoró – uma das cinco unidades do país de segurança máxima –, no Rio Grande do Norte, nesta quarta-feira (14). Esta é a primeira fuga registrada na história envolvendo uma Penitenciária Federal.

Os fugitivos foram identificados como Rogério da Silva Mendonça, o Tatu, de 36 anos e Deibson Cabral Nascimento, o Deisinho, de 34 anos, que estavam na penitenciária desde setembro de 2023, ambos pertencentes a maior facção carioca, o CV (Comando Vermelho).

Os dois foram transferidos do Complexo Penitenciário de Rio Branco, no Acre, para o presídio de Mossoró, após uma rebelião, em julho do ano passado, em que tiveram como principais envolvidos os dois criminosos.

Os homens são identificados como matadores do “Tribunal do Crime” do CV no Acre, mas não fazem parte do alto escalão da facção. Tatu cumpre pena de 33 anos por assalto a mão armada e Deisinho, cinco anos por tráfico.

A Secretaria de Segurança Pública e de Administração Penitenciária do Rio Grande do Norte confirmaram as fugas e que já tem o apoio dado para a captura dos foragidos.

Foto: Divulgação/SENAPPEN
Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também