sábado, 25 maio 2024
ASFIXIA MECÂNIA

Pai é preso por suspeita na morte da filha de 2 anos em Limeira

A criança deu entrada na UPA Abílio Pedro sem vida e o laudo apontou asfixia mecânica; mãe foi presa no dia 3 de outubro e os dois são considerados suspeitos
Por
Redação
Foto: Divulgação/Prefeitura de Limeira

A Polícia Civil prendeu, nesta sexta-feira (20), o pai de uma bebê de 2 anos que morreu em Limeira (SP), no dia 28 de setembro. Ela deu entrada na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Abílio Pedro sem vida e o laudo do IML (Instituto Médico Legal) apontou asfixia mecânica.

A mãe foi presa no dia 3 de outubro após prestar depoimento à Polícia Civil. Já o pai, de 36 anos, foi preso numa clínica de reabilitação para dependentes químicos na Estrada Vicinal de Limeira. Os dois são considerados suspeitos na investigação da morta da filha.

A Polícia Civil cumpriu o mandado de prisão preventiva. O caso ocorreu no Parque Abílio Pedro e foi registrado no 2º DP (Distrito Policial) de Limeira. A Polícia Militar (PM) compareceu na UPA. Segundo o boletim de ocorrência, a mãe teria informado que estava dando banho na menina e notou que ela estava passando mal.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também