Sábado, 16 Outubro 2021

No Centro de Nova Odessa, homem leva quatro tiros

No Centro de Nova Odessa, homem leva quatro tiros

Um crime violento, ocorrido em plena luz do dia, assustou nesta terça-feira (2) moradores na região central de Nova Odessa. Um homem de 41 anos, morad

Um crime violento, ocorrido em plena luz do dia, assustou nesta terça-feira (2) moradores na região central de Nova Odessa. Um homem de 41 anos, morador de Piracicaba, foi atingido por quatro tiros, minutos após estacionar sua caminhonete Ford Ranger em frente de uma igreja, na Rua Rio Branco. Ele sobreviveu ao ataque.

O motorista ficou na direção, enquanto um casal, que ocupava o veículo, desceu para fazer alguns pagamentos de boletos numa lan house. Segundo testemunhas, foi o tempo para que uma caminhonete branca emparelhasse ao lado da porta do motorista e um dos ocupantes fizesse cinco ou seis disparos, que atingiram peito, cabeça e boca da vítima.

O criminoso fugiu em seguida no mesmo carro. Policiais militares e uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência) atenderam a ocorrência. O motorista, identificado como Marciel Gama Queiroz, embora gravemente ferido, foi retirado do veículo consciente e conduzido para o Hospital Municipal Dr. Acílio Carreon Garcia.

Ele recebeu atendimento, mas precisou ser transferido para o HES (Hospital Estadual de Sumaré), onde permanecia internado até o fechamento desta edição. Segundo a Prefeitura de Nova Odessa, a vítima foi removida em estado considerado grave, porém estável. A assessoria do HES informou, ontem à tarde, que o paciente estava estável e consciente, em acompanhamento e exames.

O casal que acompanhava a vítima pouco antes do ataque era um irmão do motorista e a namorada do irmão dele, ambos de 20 anos. A vítima disse que seu irmão e sua cunhada desceram para fazer alguns pagamentos e ele ficou ao volante e falava ao celular. Ele nem percebeu a chegada dos criminosos, um deles já foi atirando. O motorista baleado disse aos policiais que chegou a pensar no momento que fosse seu telefone que tinha explodido.

O caso foi registrado na CPJ (Central de Polícia Judiciária) de Nova Odessa como “homicídio simples tentado” e a Polícia tenta, através de possíveis registros de câmeras de segurança, obter informações que possam levar às identificações dos suspeitos do crime e ainda sobre possíveis motivações para tal violência, aparentemente uma tentativa de execução, embora outras situações, como eventual tentativa de roubo, também não podem ser descartadas.

Com 59,3 mil habitantes, Nova Odessa tem a 13ª população entre as 20 cidades da RMC (Região Metropolitana de Campinas) e não aparece entre as mais violentas. Este ano, de janeiro a maio, segundo dados da SSP (Secretaria Segurança Pública), a cidade não registrou assassinatos e teve uma tentativa de homicídio.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 17 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/