segunda-feira, 4 março 2024
BOLSA FAMÍLIA

Bolsa Família antecipa pagamento e esclarece sobre o rumor de possível 13º salário

Pagamentos começam nesta segunda-feira (11) e seguem o calendário até 22 de dezembro
Por
Ana Flávia Defavari
Foto: Divulgação

Em decorrência as festas de fim de ano, o pagamento do Bolsa Família será antecipado e nesta segunda-feira (11) começa a ser feito para os benificiários com NIS de final 1 e seguem o calendário de ordem de pagamento até 22 de dezembro (sexta-feira) diferente dos outros meses em que é realizado nos últimos 10 dias uteis do mês.

Foi criado pelo MDS (Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate a Fome) um site onde os beneficiários podem consultar as datas de pagamento de acordo com o seu número final do NIS e pode ser acessado através deste link.

Confira o calendário do Bolsa Família de dezembro:
• 11 de dezembro – Beneficiários com NIS de final 1
• 12 de dezembro – Beneficiários com NIS de final 2
• 13 de dezembro – Beneficiários com NIS de final 3
• 14 de dezembro – Beneficiários com NIS de final 4
• 15 de dezembro – Beneficiários com NIS de final 5
• 18 de dezembro – Beneficiários com NIS de final 6
• 19 de dezembro – Beneficiários com NIS de final 7
• 20 de dezembro – Beneficiários com NIS de final 8
• 21 de dezembro – Beneficiários com NIS de final 9
• 22 de dezembro – Beneficiários com NIS de final 0

Neste período também será pago o Vale Gás aos beneficiários que possuem o direito. O pagamento do benefício bimestral equivale a 100% do valor da média nacional do botijão de 13 quilos, em dezembro será pago o valor de R$104,00.

13º SALÁRIO
Mensagens que circulam a internet recentemente divulgaram erroneamente a confirmação de um 13º do Bolsa Família aos beneficiários. Em março, durante o lançamento do Novo Bolsa Família foi divulgado pelo Governo Federal que o pagamento de 13º do Bolsa Família não seria retomado visto que se trata de um programa assistencial de complemento à baixa renda e não um vínculo empregatício ou que obedeça a regra de um contrato de salário ou de previdência.

Após o pagamento do 13º ter sido feito em 2019 durante o mandato do ex-presidente Jair Bolsonaro, uma “confusão” se formou e se tornou uma pergunta recorrente na época dos pagamentos de fim de ano. As mensagens que circulam nas redes sociais que dizem que o 13º salário será pago são falsas.

Em 2019, o ex-presidente, cumprindo uma promessa de campanha, editou uma Medida Provisória que garantia o pagamento do 13º salário aos beneficiários. Naquele ano, 13,5 milhões de família receberam o abono no valor médio de R$ 189,21, que custou R$ 2,58 bilhões.

Durante a pandemia de Covid-19, o Bolsa Família já com o nome de Auxílio Brasil, o próprio governo pediu ao congresso que a medida não fosse votada, o que levou ao pagamento do 13º ser feito somente em 2019.

Atualmente, cerca de 21,18 milhões de famílias recebem o benefício com valor médio de R$ 677,88 – com valor mínimo garantido de R$ 600 por família – e o governo federal desembolsou, em novembro, R$ 14,26 bilhões para pagar o benefício.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também