sábado, 15 junho 2024

Foragida é presa após se candidatar a vaga de emprego na polícia

Fugitiva pretendia trabalhar como segurança no departamento especializado em encontrar pessoas com mandados pendentes

Uma mulher identificada como Zyeama Y. Johnson era procurada pelas autoridades do condado de Monroe, na Pensilvânia (EUA), por não ter comparecido a dois tribunais. A foragida responde por acusações de fraude e infrações de trânsito.

No entanto, a busca por Zyeama terminou no momento em que ela se candidatou a uma vaga de emprego: no departamento de polícia do condado de Hudson, em Nova Jersey, especializado em encontrar fugitivos com mandados pendentes.

“Ela se candidatou a um emprego como segurança”, explicou um detetive do Gabinete do Xerife do Condado de Hudson, em entrevista à revista Newsweek. “Obviamente, executamos o processo de verificação de antecedentes, para obter mandados.”

Após a verificação, a foragida foi chamada para a “entrevista”. Entre aspas mesmo, porque foi apenas o meio utlizado pelo departamento para levá-la sob custódia.

Um porta-voz da polícia local acrescenta que eles “não sabem” o motivo pelo qual Zyeama se pôs deliberadamente em risco de prisão ao se candidatar à vaga.

Assim que foi detida, os policiais ainda encontraram dois cartões de crédito roubados em posse da suspeita, o que lhe acrescentou mais uma acusação.

Além disso, a investigação descobriu que a mulher já havia sido funcionária do Serviço Postal dos Estados Unidos, que também passou a apurar os antecedentes dela.

Via R7

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também