terça-feira, 20 fevereiro 2024

Giro

Vulcão • Tempo • Covid 

QUEDA | O vulcão Carihuairazo, no Equador (Foto: Reprodução)

Acidente em escalada de vulcão deixa tês mortos e 12 feridos no Equador

Um grupo de alpinistas equatorianos que escalava o vulcão Carihuairazo, no Equador, caiu de uma altura de 60 metros na manhã de sábado (13), resultando na morte de três pessoas e deixando outras 12 feridas, disseram autoridades de resgate. Os feridos foram levados aos hospitais de Riobamba e Ambato. As equipes de resgate foram alertadas por volta das 9h30 que 15 alpinistas estavam envolvidos na queda, segundo informaram os serviços de resgate ECU911, em um comunicado. “Uma mulher de 47 anos e dois homens de 45 e 50 anos morreram nesta emergência”, disseram autoridades. A ação de resgate dos corpos foi conduzida ao longo do domingo (14). Seis mulheres e seis homens foram resgatados da montanha e hospitalizados.

Previsão do tempo aponta chance de neve e geada na região Sul esta semana

A frente fria associada a um ciclone extratropical deve provocar ventania, tempestades e chuvas de granizo na região Sul do Brasil até quartafeira (18). De acordo com o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), há possibilidade de geada e até neve em determinadas áreas no final desta semana. O Rio Grande do Sul sofreu com os estragos causados pela ventania na noite de segunda (15), com ventos que chegaram a 120 km/h. A meteorologista Andrea Ramos, do Inmet, afirma que a partir desta quarta (17), com a movimentação do ciclone, a chuva chegará aos estados de Santa Catarina e Paraná, levando ventania e granizo. “No Rio Grande do Sul, o risco de chuva já diminuiu.” A massa de ar frio causará frio no estado de São Paulo na quinta.

Média móvel de mortes por Covid-19 volta a ficar abaixo de 200 no Brasil

O Brasil registrou 213 mortes por Covid e 21.920 casos nesta terça-feira (16). Com isso o país chega a 681.828 vidas perdidas e a 34.199.057 pessoas infectadas pelo Sars-CoV-2 desde o início da pandemia. A média móvel de mortes voltou a ficar abaixo de 200, após 50 dias. Ela agora é de 176, redução de 16% em relação ao dado de duas semanas atrás. A última vez em que a média esteve menor do que 200 óbitos diários foi em 27 de junho, quando era de 198. A média de casos permanece em queda e agora é de 19.058. Tratase de uma redução de 39%, também em relação a duas semanas antes. É a primeira vez que a média fica abaixo de 20 mil desde 26 de maio.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também