domingo, 21 abril 2024

Motoboys protestam em condomínio onde entregador foi alvo de racismo

Um grupo de motoboys da região de Campinas promoveu um “buzinaço” na manhã deste sábado (8) em frente ao condomínio onde reside o homem que fez ofensas racistas e humilhou um entregador do iFood em Valinhos.

O caso ocorreu no final de julho, mas o vídeo com as ofensas viralizou na sexta-ferira nas redes sociais, gerando indignação coletiva no Brasil e no exterior, de anônimos e artistas e até do presidente Jair Bolsonaro, que repudiou o episódio.

Na manhã deste sábado, cerca de cem entregadores promoveram um protesto em frente ao residencial, que fica no bairro Chácaras Silvania. A manifestação durou cerca de meia hora e foi pacífica.

Ainda na sexta-feira, o humorista Matheus Ceará, do SBT, participou da entrega de uma moto de presente ao motoboy ofendido, Matheus Pires, 19 anos.

“Aí Galera! Achamos o Matheus e já entregamos a moto para ele. A história está nos Stories. Só seguir lá e ver. Como disse anteriormente, não quero saber o que houve, mas o vídeo me sensibilizou e me identifiquei. E aí o Douglas Nascimentto fez o corre. Bora pra próxima”, escreveu Ceará no Instagram.

ENTENDA O CASO

O vídeo do ato de discriminação viralizou na internet na sexta.

As imagens feitas por um morador do condomínio residencial em Valinhos mostram um homem branco xingando o entregador de “lixo”, “analfabeto” e “invejoso”, apontando para a cor da própria pele, branca,  por causa de um atraso na entrega.

O caso foi em 31 de julho, mas só repercutiu após a mãe de Matheus Pires publicar as imagens nas redes  na noite de quinta-feira.

Um boletim de ocorrência por injúria racial foi aberto na delegacia.

Humorista Matheus Ceará entrega moto para o motoboy Matheus Pires (Foto: Divulgação)

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também