quinta-feira, 7 dezembro 2023

Polícia Federal faz operação contra organização que desviava recursos da educação infantil em São Paulo

A Polícia Federal, em ação conjunta com a Receita Federal, realizou uma operação na manhã desta quinta-feira em São Paulo contra uma organização criminosa que desviava recursos da prefeitura destinadas a educação infantil. Segundo as investigações, as organizações parceiras da administração municipal eram controladas por sócios de escritórios de contabilidade que adulteravam documentos fiscais e desviavam recursos para enriquecimento ilegal.

Os desvios eram feitos por meio de alterações nos comprovantes de pagamento da previdência social e simulação de compras de mercadorias. De acordo com as informações da polícia, sócios de cinco escritórios contábeis investigados criaram organizações sociais, chamadas de OSS, para gerir creches em apoio à Prefeitura Municipal de São Paulo.

Fotos: Divulgação Receita Federal

As diretorias dessas organizações foram repassadas para empregados e familiares desse grupo que passou a simular despesas e se apropriar dos valores repassados pela administração municipal, com repasse da União, para fazer frente às tais despesas ilícitas. Ao todo, foram cumpridos 22 mandados de busca e apreensão nas cidades de Itaquaquecetuba, Santana do Parnaíba, Mogi das Cruzes e na capital paulista.

A Justiça também determinou a suspensão dos convênios firmados pela administração estadual com 36 empresas suspeitas de irregularidades, além da apreensão de veículos, bens, imóveis e valores depositados em contas bancárias com valores equivalentes ao total desviado.

O grupo é investigado pelos crimes de peculato, falsificação de documentos públicos e particulares, sonegação de impostos, associação criminosa e sonegação de contribuição previdenciária.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também