Domingo, 26 Junho 2022

Santos quer definir classificação

Brasil + MundoSul-americana

Santos quer definir classificação

Peixe é líder do Grupo C da competição, com dez pontos, seguido por Unión La Calera do Chile, com oito pontos

Meta | Bustos deve optar por time alternativo hoje (Foto: Ivan Sartori/Santos FC)

Após empatar sem gols com o Ceará no sábado (21), o Santos volta suas atenções à Copa Sul-Americana e se prepara para receber o Banfield, da Argentina, nesta terça-feira (24), a partir das 19h15 (de Brasília), na Vila Belmiro. A partida é válida pela última rodada do Grupo C, e pode render ao time litorâneo a classificação às oitavas de final. Apenas o líder de cada grupo se classifica na Sul-Americana.

O Santos é líder do Grupo C, com dez pontos, seguido por Unión La Calera, do Chile, com oito pontos. Se vencer, o time litorâneo estará diretamente classificado para próxima fase. Se empatar, o time paulista precisa torcer para que o rival chileno perca ou empate - o Unión La Calera joga contra o Universidad Católica, do Equador, nesta terça-feira, no mesmo horário. Mesmo em caso de vitória, o time do Chile só conseguiria ultrapassar o clube paulista caso marcasse dois gols de diferença.

O jogo contra o Ceará, na Arena Barueri, foi o primeiro empate do técnico Fabián Bustos no Santos como mandante. Antes disso, foram sete vitórias em sete jogos. Agora de volta à Vila Belmiro, o clube alvinegro busca defender a invencibilidade e reverter o resultado do primeiro encontro contra o Banfield, em abril, quando o time Chileno venceu em casa por 1 a 0.

Os jogos como mandantes também garantem ao Santos o apoio de sua torcida, fator enaltecido por Bustos após a partida pelo no sábado. "A torcida é espetacular, é incrível, como vibrou, como torceu todo o tempo. Uma festa, um aplauso para a torcida, porque foi o mais lindo da noite", afirmou, em coletiva. "Como se comportaram hoje [21], como torceram, nos alentou, foi uma festa bonita. Eu que não sou brasileiro e sempre quis estar aqui, é uma linda festa, sentir o amor incondicional. Quando se fazem os planos, não é de um dia para o outro, visando a nossa gente, porque é Santos do Mundo, não é Santos de Santos ou de Vila Belmiro. A nossa casa é essa, mas o Santos em São Paulo tem muitos torcedores."

Outro ponto defendido por Bustos na ocasião foi a atuação de Bryan Angulo, que vem sendo criticado devido a suas últimas participações, e que deve entram em campo novamente nesta terça-feira. Para Bustos, o atacante equatoriano fez uma boa partida.

"Eu que estou todos os dias, todos os dias trabalhando e para este jogo estava melhor o Angulo. A bola pegou na trave e saiu, não pegou na trave e entra, se entra ganhamos com gol dele. Não importa quem faz o gol, ganha o time, o conjunto. É um bom grupo, todos sabem o rol que tem, às vezes tem que trocar pelo desgaste dos jogos seguidos, às vezes tem que trocar pelo tático, pelo que a gente quer. Para mim, fizemos um bom jogo, Angulo fez um bom jogo. Respeito o que você possa dizer ou outro comunicador."

Para a partida desta terça-feira, Bustos deve ir a campo com um time alternativo, trocando alguns nomes importantes. 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/