PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Paciente de 88 anos supera Covid em Americana

Moradora do Jardim São Vito deixa Hospital Unimed Americana sob aplausos após passar 22 dias na Unidade Crítica Intermediária lutando contra a doença

A paciente Laurinda Rosa de Oliveira Durães, de 88 anos, moradora do Jardim São Vito, em Americana, teve alta na tarde desta sexta-feira (15), após permanecer 22 dias internada na UCI (Unidade Crítica Intermediária) do Hospital Unimed Americana devido a complicações causadas pela Covid-19.

PUBLICIDADE

Foi a paciente mais idosa com o coronavírus hospitalizada na Unimed Santa Bárbara d’Oeste e Americana até agora.

Laurinda deu entrada no pronto-atendimento com quadro de dispneia e tosse na noite de 23 de abril e foi internada na madrugada do dia 24, quando realizou o teste RT-PCR, que confirmou o novo coronavírus.

PUBLICIDADE

Todo o tratamento foi realizado de acordo com a recomendação do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde.

Antes da alta, a paciente realizou o teste de sorologia, que confirmou a imunização contra a doença.

A alta foi comemorada pela equipe assistencial e multidisciplinar da Unimed e pela família da paciente, composta por dez filhos, 26 netos, 16 bisnetos e dois trinetos. Alguns estiveram presentes ontem na saída do hospital e levaram uma faixa de agradecimento à equipe médica e aos colaboradores da Unimed.

Em homenagem ao Dia das Mães, no último domingo os familiares enviaram uma mensagem em vídeo para a paciente.

 

PUBLICIDADE

Pin It on Pinterest

Share This