terça-feira, 25 junho 2024
DESFILIAÇÃO PARTIDÁRIA

Vereadora Esther Moraes explica a sua saída do PL

Parlamentar falou com exclusividade à Rede TODODIA e afirmou que a vinda do ex-presidente, Jair Bolsonaro (PL), à Santa Bárbara d'Oeste chancelou a decisão de deixar a sigla.
Por
Anderson Junque
Foto: Anderson Junque / Rede TODODIA

Após enviar ontem, uma nota à imprensa anunciando sua desfiliação do PL (Partido Liberal), de Santa Bárbara d’Oeste, a vereadora recebeu a Rede TODODIA, hoje, no início da tarde desta terça-feira para explicar os motivos da sua saída da sigla partidária. A parlamentar ratificou a informação de indefinição em relação ao novo partido. Sobre esse assunto, a parlamentar afirmou que está conversando com o seu grupo político e também com várias siglas que tenham uma linha mais progressista.

TODODIA – Vereadora, quais foram os motivos que a levaram a desfiliar do Partido Liberal, do município?

Esther Moraes – Os motivos que me levaram à desfiliação do PL (Partido Liberal) são públicos. Por várias vezes a gente veio a público contar sobre o nosso descontentamento com o partido. É importante dizer que a nível municipal, a gente sempre teve uma boa relação, foi o partido que inicialmente abriu as portas para que a gente pudesse construir a nossa candidatura e que tem um histórico de um bom diálogo de construção. Mas, a nível nacional, é um partido que hoje representa a extrema direita e abraça pautas na qual o nosso mandato entende que não é dessa forma que deve caminhar – de maneira muito extremista, que, obviamente, é um ataque às minorias sociais, e às bandeiras que a gente defende. Em 2021, quando o ex-presidente Jair Bolsonaro anunciou a filiação ao PL (Partido Liberal), a gente já veio a público dizer que gostaríamos de sair do partido. Na época, nós não conseguimos porque existia uma insegurança jurídica e a necessidade de a gente aguardar a janela partidária que se deu agora no início do mês, então a gente oficializou a nossa saída.

TODODIA – Recentemente o ex-presidente da República, Jair Bolsonaro, esteve em Santa Bárbara d´Oeste. Esta vinda dele ao município foi um fator motivador para que você deixasse a sigla?

Esther Moraes – Essa decisão já estava tomada antes da vinda do ex-presidente Jair Bolsonaro. Essa já era uma decisão tomada pelo nosso mandato desde 2021, mas é obvio que a gente não pode deixar de lamentar esse episódio. Eu acho que a vinda do ex-presidente, Jair Bolsonaro, logo após a um ato que ele chamou na Avenida Paulista, prestes a ser preso, responder pelos crimes que cometeu enquanto presidente. E aí você traz um presidente pra cá, para sinalizar apoio as suas pautas, da maneira que ele vem tocando a presidência, quando era presidente, mas também a maneira que ele vem tocando outros assuntos. A questão, mesmo, envolvendo os ataques a nossa democracia é realmente lamentável que Santa Bárbara tenha sido palco para receber um ex-presidente como Bolsonaro, que só chancelou a nossa decisão.

TODODIA – Ontem você informou que ainda não está definida a sua nova sigla partidária. O que nós queremos saber é o que a vereadora busca em seu novo partido?

Esther Moraes – Olha, a gente tem buscado fazer conversas com o nosso grupo, com os partidos. Obviamente será um partido mais progressista, que tenha mais a nossa cara, onde a gente consiga debater com mais liberdade a questão das mulheres, das minorias sociais, os nossos jovens, da comunidade LGBTQIA+, do Meio Ambiente. Então a gente quer poder ir para uma sigla debata esses assuntos, de maneira coletiva, democrática, progressista. E obviamente que seja um partido que esteja aberto a fazer construções a nível municipal.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também