Gabigol na mira do Corinthians

Sonhando com reforços de peso, diretoria se interessa pelo atacante, que tem contrato com a Inter de Milão

A diretoria do Corinthians promete trazer, pelo menos, três reforços de peso para 2019, e o atacante Gabigol, de 22 anos, poderia ser um deles. Nos últimos dias, os cartolas alvinegros sondaram os agentes do jogador, mas o seu alto salário e sua vontade de voltar para a Europa dificultam a negociação.

Além disso, o Corinthians ainda terá de encarar a concorrência do Flamengo, que também demonstrou vontade de contar com o jogador.

O próprio atacante, artilheiro do último Campeonato Brasileiro, com 18 gols, comentou sobre o interesse dos dois clubes, mas disse também que seu objetivo, neste momento, é voltar para a Inter de Milão, clube com o qual tem contrato até 2021.

“Agradeço as especulações, não sei se é verdade, mas ter meu nome em alguns times me deixa honrado. O que eu sei é volto pra Inter, depois a gente conversa e vê o que é melhor”, disse Gabigol, que atuou por empréstimo pelo Santos nesta temporada.

O artilheiro comentou, ainda, que tem o desejo de vestir a camisa do Flamengo um dia. “Só não sei quando isso vai acontecer”, afirmou.

Ao voltar para a Inter, Gabigol espera, enfim, provar o seu valor no futebol europeu. Contratado em 2016 pelos italianos por 27 milhões de euros (R$ 100 milhões, à época), ele não conseguiu se firmar no time da Velha Bota e acabou emprestado ao Benfica, antes de regressar ao Brasil.

Para contar com ele neste ano, o clube da Vila Belmiro teve de desembolsar 1,7 milhão de euro (R$ 6,6 milhões) pelo empréstimo do jogador.

Na temporada, o atacante fez 52 partidas pelo time praiano e marcou 27 gols.

SALÁRIO

Para fechar com o Corinthians, Gabigol teria de se enquadrar na política salarial do clube. O presidente Andrés Sanchez já afirmou diversas vezes que não vai fazer loucuras por reforços, principalmente pagar um montante acima do teto do elenco. Atualmente, Cássio, Fagner e Jadson possuem os maiores salários do alvinegro, com R$ 450 mil mensais cada um.

No Santos, os vencimentos de Gabigol eram acima de R$ 500 mil, por exemplo.

Pin It on Pinterest

Share This