PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Guarani encara São Paulo em luta por vaga na final da Copinha

Alviverde campineiro joga em Araraquara com torcida única para o time da Capital

Com o desafio de atuar para um estádio lotado com torcida adversária e com desejo de chegar novamente a uma final da Copa São Paulo de Futebol Junior, o Guarani disputa a semifinal da competição contra o São Paulo nesta terça-feira (22), às 19h15, na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara.

PUBLICIDADE

Após vencer Internacional, Botafogo e Figueirense, o time treinado por Márcio Zanardi agora atua contra o tricolor paulista, proprietário de uma estrutura localizada em Cotia direcionada as categorias de base e que foi campeão do torneio em 2010.

Para superar o cenário, Zanardi trabalhou a parte psicológica e uma atitude tomada fora de colocar os garotos para assistirem a final da Copinha de 1994, quando o Guarani venceu nos pênaltis com boa atuação de Pitarelli.

PUBLICIDADE

“Passei o vídeo com o Pacaembu lotado. A parte psicológica está muito boa”, afirmou o treinador bugrino.

Por causa do desgaste por sete partidas jogadas desde o dia 03 de janeiro e com a lesão de alguns atletas, como o centroavante Davó, o treinador ainda não tem escalação definida.

PUBLICIDADE

O que ele sabe é que o alviverde não ficará acovardado para apostar no contra-ataque.

“É um jogo de semifinal e as quatro equipes classificadas têm qualidade. O São Paulo não gosta de ser pressionado. Time grande sempre tem dificuldade. Vamos atuar com sabedoria e entendendo a situação”, disse o técnico.

Independente do quadro, Zanardi considera que a missão está cumprida com a equipeSub-20.

“Chegar entre os quatro em uma competição de 128 equipes já dá para avaliar que o trabalho foi bem feito. Sabemos das dificuldades do Guarani, mas focamos no trabalho”, arrematou.

O Guarani já disputou duas finais de Copa São Paulo. Na primeira, em 1985, perdeu do Juventus por 1 a 0. Depois foi campeão em 1994.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Pin It on Pinterest

Share This