quinta-feira, 18 julho 2024

Americana tem primeira morte suspeita por coronavírus

A Prefeitura de Americana divulgou que morreu hoje (27), em hospital particular do município, um homem de 64 anos, com suspeita de coronavírus. 

Ele começou a ter sintomas no dia 13 de março e procurou por assistência médica deste mesmo hospital no dia 23, quando foi diagnosticado com pneumonia bacteriana. Ele recebeu prescrição de antibiótico e foi liberado para tratamento em casa. 

Após três dias, a febre tinha passado, mas a falta de ar e cansaço continuaram. Com a piora do quadro, na madrugada de hoje ele foi internado à 1h30 e encaminhado para UTI (Unidade de Terapia Intensiva) com dificuldades respiratórias. O paciente teve piora do quadro e veio a óbito por volta das 12h30. O exame para coronavírus já tinha sido feito assim que o paciente deu entrada para internação e foi encaminhado ao Instituto Adolfo Lutz. 

As informações são da prefeitura. O paciente residia em Americana e estava entre os grupos com maior risco da doença, por ter mais de 60 anos, ser cardiopata e diabético. Além disso, teve contato com um caso confirmado da doença atendido no município de São Paulo. A família e o local de trabalho do paciente estão sendo monitorados pela Vigilância Epidemiológica de Americana e não existem, por enquanto, outras pessoas do convívio dele que apresentem os sintomas da doença. 

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também