Terça, 18 Janeiro 2022

Mão dupla em viaduto Amadeu Elias volta neste sábado em Americana

Mão dupla em viaduto Amadeu Elias volta neste sábado em Americana

Um dos principais temas da pré-campanha à Prefeitura de Americana, o Viaduto Amadeu Elias volta a ter duas mãos de direção neste sábado, a partir das

Um dos principais temas da pré-campanha à Prefeitura de Americana, o Viaduto Amadeu Elias volta a ter duas mãos de direção neste sábado, a partir das 14h. 

A Utransv (Unidade de Transportes e Sistema Viário) da prefeitura refez a sinalização de trânsito. 

Na chegada à Rua D. Pedro II, a faixa de pedestre foi renovada e já existia nesta quinta a demarcação para recuo de segurança para motociclistas. 

As faixas contínuas amarelas ininterruptas já separam os dois sentidos do fluxo. Cones plásticos ordenavam o fluxo no trecho, que recebia nova pintura. 

E, no calor destes tempos de campanha política, uma faixa foi estendida ao lado do viaduto: "Jardim Colina agradece ao prefeito Omar Najar e Chico Sardelli pela reabertura do viaduto". 

Omar anunciou a mudança na semana passada, ao lado de Sardelli, que concorre ao Executivo, e Odir Demarchi (PL), candidato a vice na chapa. Um dia antes, o tucano Rafael Macris protocolou em cartório seus compromissos para o início de mandato e um deles era justamente a volta da mão dupla no Amadeu Elias. 

Após o anúncio de Omar, Rafael e Sardelli gravaram vídeos no viaduto falando sobre a mudança. 

O retorno da mão dupla exige atenção. Os motoristas que seguem bairro-Centro e desejam acessar a Rua Dom Pedro II devem seguir pela Rua Rio Branco até a Praça do Trabalhador e fazer o retorno, voltando pela Rio Branco para entrar na Dom Pedro. 

Será proibida a conversão à esquerda na Rua Rio Branco para a Fernando Camargo. A opção será entrar à direita e fazer o retorno. 


NOVA ESTRUTURA 

Um novo viaduto já foi projetado pelos engenheiros a serviço da Rumo, empresa responsável pela administração da malha ferroviária que corta a cidade. 

A nova estrutura faz parte de um pacote de obras assumidas pela Rumo e que devem ser executadas como contrapartida pela duplicação da linha férrea. 

A Rumo esperava a prorrogação da concessão atual por mais 30 anos, já aprovada, para retomar o assunto. Não há data prevista para o projeto ter início. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Terça, 18 Janeiro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/