PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

N.O faz plantão amanhã e no domingo para cartão da Saúde

Será oferecido o serviço de recadastramento de usuários da rede pública de Saúde que ainda não fizeram a emissão gratuita de seu "Cartão Saúde"

A Secretaria de Saúde de Nova Odessa fará plantão amanhã e domingo para o recadastramento de usuários da rede pública de Saúde que ainda não fizeram a emissão gratuita de seu “Cartão Saúde” – que passa a ser exigido na cidade para atendimento médico. 

PUBLICIDADE

Amanhã, a Central de Atendimento funciona das 8h às 16h e no domingo, das 8h às 13h. A central atende na Avenida Eddy de Freitas Crissiúma, 150, atrás do Hospital Municipal e da prefeitura. 

O prazo para recadastramento termina no fim de ano, porém, a partir de segunda-feira, dia 10, a Secretaria de Saúde vai exigir o cartão para quem for marcar consultas com médicos especialistas, tanto no Ambulatório de Especialidades quanto nas UBS’s (Unidades Básicas de Saúde), para o fornecimento de vacinas e para o agendamento dos exames. 

PUBLICIDADE

Nos dias úteis, o horário de funcionamento da Central de Atendimento é das 7h às 16h. A equipe de atendentes já foi reforçada pela Secretaria de Saúde. 

Outra mudança anunciada esta semana pela pasta é que não haverá mais agendamentos para o recadastramento. 

PUBLICIDADE

Para retirar o cartão, basta o usuário da rede pública procurar a Central com RG (original), CPF (original) e comprovante de endereço no nome do requerente. 

Contudo, as pessoas que já têm o atendimento agendado exclusivamente dentro do mês de junho podem comparecer à Central no dia e horário marcados. 

Os menores devem comprovar filiação através de Certidão de Nascimento ou RG próprio. 

Os casados podem comprovar residência mediante certidão de casamento e comprovante em nome do marido ou esposa. 

“É importante deixar bem claro para a população que o recadastramento não termina nesta sexta-feira. Ele só vai ser encerrado em dezembro. Entretanto, a partir de segunda-feira, dia 10, nós vamos exigir o Cartão Saúde para quem for marcar consulta com especialista, tomar vacina ou agendar um exame. Sem o cartão, isso não será possível”, explicou Vanderlei Cocato, secretário de Saúde. 

O recadastramento busca identificar os usuários da cidade. “A gente constata que muitas pessoas de outras cidades usam endereço de amigo ou parente e vem buscar atendimento aqui, prejudicando quem é morador de Nova Odessa”, disse. 

 

PUBLICIDADE

Pin It on Pinterest

Share This