Na série ‘Merlí’, alunos aderem à reflexão

Sem subestimar o público, obra conduz temas de forma descomplicada, madura e sem apelos

No sentido oposto da série “Elite”, mas também ambientada em uma escola da Espanha, a série “Merlí”, é uma feliz alternativa da Netflix.

Se em “Elite” a competição entre alunos caricatos é acirrada, nesta série catalã o estímulo é ao pensamento.

Por meio do professor de filosofia que dá nome à produção, um grupo de estudantes amplia sua visão de mundo e compreende melhor os seus próprios desejos.

Sem subestimar o público, conduz temas de forma descomplicada, madura e sem apelos por linhas teóricas de grandes nomes da filosofia.

O entusiasta Merlí rema contra o conservadorismo. Não à toa, encontra a resistência daqueles que julgam seus métodos doutrinadores, e não libertadores.

Pin It on Pinterest

Share This