PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Próxima parada: Toyama, Japão

Jovem estudante americanense de apenas 8 anos vence concurso e terá obra exposta na província japonesa

A estudante Isabela Matos da Silva, de 8 anos, de Americana, foi uma das vencedoras do concurso “As Carpas na Cultura Japonesa”. 

PUBLICIDADE

A aluna do 3º ano da Escola Estadual Professor Alcindo Soares do Nascimento ficou entre os selecionados do concurso de desenho infanto-juvenil para a Província de Toyama, no Japão. 

Sendo autora de uma das 10 obras selecionadas, a sua e as demais obras vencedoras serão expostas no Festival de Arte e Cultura da Província de Toyama entre os dias 14 e 16 de setembro deste ano. O evento, que acontece desde 1997, reúne em um mesmo espaço diversos campos da arte, como teatro, dança, ikebana, cerimônia do chá, artes plásticas e literatura. 

PUBLICIDADE

O título da obra da jovem americanense é “O Desafio da Carpa” e foi feita com a técnica de aquarela sobre papel. 

Segundo a professora de Isabela e orientadora do trabalho, Hevelyn do Valle, ela representou a carpa pintando-a em tons de vermelho e amarelo, nadando contra a correnteza, superando os obstáculos encontrados em seu percurso. 

PUBLICIDADE

Hevelyn conta que ficou sabendo do concurso pela divulgação que foi feita na própria escola. “Nossa coordenadora nos informou e nos incentivou a convidar os alunos. Como já estávamos trabalhando a cultura oriental dentro das aulas de Linguagens, achamos interessante que os alunos participassem, pois tiveram que se apropriar do tema, através das aulas, leitura e pesquisa”, explica a professora. 

“No processo, descobriram que a Carpa tem um significado especial dentro da cultura oriental, que ela representa força, bravura, persistência e sucesso, pois consegue nadar e subir correntezas sem a ajuda de ninguém e isso foi representado no desenho”, completa. 

MOTIVAÇÃO 

Para a pequena Isabela, as próprias aulas e o incentivo da própria escola motivaram bastante a participação no concurso. “Após a apresentação da proposta pela professora, na aula de arte, eu pesquisei, assisti vídeos e fiz vários desenhos”, conta ela, empolgada. 

  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Pinterest
APOIO | Isabela pretende continuar a dedicação às artes

E os planos não param por aí. Feliz pelo resultado, Isabela pretende continuar dedicando uma parte do seu tempo às artes.

“Arte é inspiração, alegria e felicidade, pois é o que sinto quando estou desenhando ou pintando. Pretendo continuar me dedicando, treinando todos os dias.”

PUBLICIDADE

Pin It on Pinterest

Share This