Domingo, 28 Novembro 2021

Alessandro 'Gigante' fatura prata no arremesso de peso F11 em Tóquio

Alessandro 'Gigante' fatura prata no arremesso de peso F11 em Tóquio

Atleta brasileiro fez três lançamentos acima de 13,80m  

Alessandro Rodrigo é dos recordes paralímpico e mundial - Washington Alves/MPIX/CPB

Campeão paralímpico no disco na Rio-2016, Alessandro Rodrigo, o Gigante, está de volta ao pódio, desta vez com prata, depois de ser o segundo colocado no arremesso de peso F11 (para atletas com deficiência visual) nesta segunda-feira (30). Em uma atuação consistente, o brasileiro fez três arremessos que valeriam a segunda colocação, sendo o melhor deles um de 13,89m, na última tentativa.

Foram três lançamentos acima de 13,80m, o que permitiu que ele superasse com tranquilidade o italiano Oney Tapia, bronze com 13,60m, mas nem chegasse perto de ameaçar a hegemonia do iraniano Mahdi Olad, que fez quatro arremessos acima dos 14 metros e venceu com 14,43m.

Um dos principais nomes do atletismo paralímpico brasileiro, Alessandro ganhou ouro no lançamento de disco e o bronze no arremesso de peso no Mundial de Dubai. Em 2019, no Parapan de Lima, ele faturou o ouro no lançamento de peso e no lançamento de disco, além de ter conquistado dois ouros no arremesso de peso e lançamento de disco no Parapan de Toronto em 2015.

Alessandro, que é de Santo André (SP) e mora em Mauá (SP), completou 36 anos anteontem e perdeu a visão após contrair toxoplasmose, uma infecção que acontece por meio de um parasita. Ele ainda compete no lançamento do disco em Tóquio, onde é favorito ao ouro. O paulista é o atual campeão e recordista tanto paralímpico quanto mundial. A prova será na quarta-feira (31) à noite pelo horário brasileiro.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 28 Novembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/