segunda-feira, 22 julho 2024

Saúde recebe verba de R$ 500 mil para ampliar atendimento

A Secretaria de Saúde de Americana vai usar mais R$ 500 mil recebidos do Governo Federal para comprar mais exames e consultas particulares, em princípio na área de Ginecologia e Obstetrícia, destinadas a pacientes da rede pública municipal.

O recebimento do dinheiro – obtido por meio de uma emenda parlamentar do deputado federal Guilherme Derrite (PP), intermediada pelo vereador Thiago Brochi (PSDB) – foi anunciado ontem (27) pelo prefeito Omar Najar (MDB).

Os valores já estão na conta do município e a Secretaria de Saúde agora irá definir a modalidade de contrato dos serviços e iniciar o processo. Com isso, segundo a prefeitura, será possível reduzir a demanda reprimida, a exemplo do que já vem ocorrendo em outras especialidades.

Atualmente, a cidade atende a um volume mensal aproximado de 850 consultas nas áreas anunciadas ontem – entre as de pré-natal, que também são realizadas por enfermeiros, e as que são agendadas com os três médicos ginecologistas que atendem na rede básica.

Com os novos contratos a serem firmados, as consultas serão antecipadas na agenda atual, que não dispõe mais de vagas para este ano.

Os novos recursos também irão possibilitar um acréscimo na execução de exames ginecológicos. Hoje, o município realiza em média 120 exames de ultrassom obstétrico e 60 exames de ultrassom de mama a cada mês. Nos três primeiros meses de 2019 foram 930 exames de ultrassom transvaginal. O contrato para este último está sendo aditado e serão ofertados mais 232 no contrato atual.

“A gente aplica essa verba agora na atenção da saúde da mulher, realizando as consultas que estão com agendamento um pouquinho distante. Se for muito o valor para atender a Ginecologia, a gente aplica em outras especialidades que estejam também no gargalo”, explicou o secretário de Saúde, Gleberson Miano.

A rede básica de saúde de Americana atende hoje 684 gestantes e a média de partos (normais e cesáreas) realizados no Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi é de 100 a cada mês. A UBS (Unidade Básica de Saúde) Cillos é a unidade de referência para a saúde da mulher. Lá atendem três ginecologistas em sistema de agenda; são realizadas consultas de enfermagem; exames de papanicolau; consultas de pré-natal e acompanhamento de gestantes.

O prefeito Omar Najar agradeceu ao empenho do vereador Thiago Brochi em busca dos recursos. “Eu estou satisfeito e agradeço ao vereador Thiago Brochi e o capitão Derrite também pela consideração para a nossa cidade e ajudar nesse trabalho da Secretaria de Saúde, que está com dificuldades” comentou.

FILAS

A compra de procedimentos em clínicas privadas, que vem sendo feita desde o final do ano passado, tem ajudando a Secretaria de Saúde de Americana a reduzir filas por atendimento médico. Desde novembro do ano passado, foram oferecidas 15,5 mil consultas nesse modelo em especialidades como Oftalmologia e Otorrinolaringologia, entre outras.
Em janeiro, das especialidades contratadas por chamamento público havia um total de 24.318 pacientes aguardando na fila por médicos. Hoje, segundo a prefeitura, são 16.064.

 
Por Walter Duarte

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também