terça-feira, 23 abril 2024

Seis mortes são confirmadas em naufrágio no Rio de Janeiro

 Uma embarcação traineira, com 14 pessoas, naufragou após ser atingida por tempestade com fortes ventos, na Ilha de Paquetá, neste domingo (5)

Foto: Reprodução/TV Globo

Mais três corpos foram encontrados na Baía de Guanabara, no Rio, na manhã desta segunda-feira (6) elevando para seis o número de mortos no naufrágio de uma traineira, nas proximidades da Ilha de Paquetá, no fim da tarde de domingo (5).

Duas pessoas seguem desaparecidas: uma mulher e um adolescente de 14 anos. O Corpo de Bombeiros e a Marinha do Brasil atuam nas buscas. Os corpos de quatro das seis vítimas já foram identificados oficialmente.
A SPTC (Superintendência de Polícia Técnico-Científica) já confirmaram as identidades de Everson Costa de Assunção, de 45 anos, e Juliana Gomes Delano da Silva, de 35 anos, por meio de exame de papiloscopia (impressões digitais).
Parentes reconheceram os corpos de Michele Bayeri de Moraes Sena, de 43 anos, e de Evandro José Sena, de 53 anos, no IML (Instituto Médico Legal). Dois corpos seguem sem identificação e duas pessoas continuam desaparecidas.
Um dos cadáveres localizados nesta manhã estava dentro dos destroços da embarcação afundada. O outro boiava na altura do vão central da Ponte Rio-Niterói. Um terceiro também foi localizado. Os três corpos foram encaminhados ao IML (Instituto Médico-Legal) para identificação.

O acidente

A traineira levava um grupo de 14 pessoas, entre amigos e parentes, e voltava de um passeio a Paquetá quando foi surpreendida por uma tempestade com fortes ventos. A embarcação virou.

Seis pessoas foram resgatadas por um barco que passava pela região no momento do acidente e levadas para o 19º Grupamento dos Bombeiros, na Ilha do Governador, onde receberam os primeiros socorros e estão fora de perigo.
Paquetá é uma popular atração turística, atraindo visitantes por sua tranquilidade e opções de lazer. Passeios de barco pela baía, com passagem pela ilha, são comuns.

Bombeiros

O Corpo de Bombeiros foi acionado às 17h25. Guarda-vidas e mergulhadores da corporação atuam nas buscas, com apoio de lanchas, motos aquáticas, botes e aeronaves. A Marinha do Brasil também trabalha nas buscas.

No fim da noite de domingo, 5, foram localizados três corpos. Outros três corpos foram encontrados na manhã desta segunda-feira, 06. Os mortos foram levados para o Grupamento Marítimo (G-Mar) de Botafogo, na zona sul do Rio, por volta de 1h30 da madrugada.

Em nota oficial, a Marinha informou que a “Capitania dos Portos do Rio de Janeiro (CPRJ), esclarece também que um procedimento interno será instaurado para apurar causas, circunstâncias e responsabilidades pelo acidente, bem como colher ensinamentos para reduzir a probabilidade de ocorrências análogas no futuro “

As pessoas resgatadas com vida são: Ana Nilda dos Santos Soares, 43 anos; Ana Paula de Souza, 46 anos; Caíque Gomes da Silva, 10 anos; Cauâ Gomes da Silva, 14 anos; Erick Pereira da Silva, 38 anos; e Marcos Paulo da Silva Correia, 45 anos. 

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também